Porquê o Timeshare?

Lorem Ipsum

Timeshare – ou titularidade de férias partilhadas, como também é conhecido – é onde compra o direito de utilização de um período de tempo específico; normalmente uma semana ou mais, num empreendimento de férias. Fornece as férias em termos de flexibilidade e escolha para onde vai, quando vai e que tipo de experiência de férias procura para gozar quando chegar lá.

 

Coloca a titularidade de casas de férias ao alcance de milhões de famílias que não podem comprar uma segunda casa – ou podem não querer investir tanto dinheiro numa propriedade durante estes tempos de incerteza económica…

 

E os compradores de timeshare beneficiam de legislação mais forte de protecção aos consumidores do que qualquer outro cliente de retalho. Em 2011, uma nova Directiva de Timeshare da União Europeia foi aprovada, colocando controlos e regulamentos rigorosos na forma como o timeshare é vendido. Entre os muitos regulamentos existentes para proteger os compradores de timeshare encontra-se a proibição de aceitar quaisquer montantes de depósitos e dar um período de reflexão de 14 dias, tempo em que pode suspender o contrato sem perda ou penalidade financeiras – mais nenhum negócio de retalho oferece esta latitude.


Pode comprar:

 

• Num período fixo do ano, num determinado empreendimento que pode revisitar todos os anos na mesma altura.

 

• Uma semana flexível é-lhe atribuída pelo empreendimento onde é titular, todos os anos, e não é necessariamente sempre a mesma semana do ano, será uma semana diferente.

 

• Pontos, que pode utilizar como uma "moeda" numa reserva de férias em períodos de semanas – visto que a cada semana do empreendimento será atribuído um valor em pontos – ou para reservar férias adicionais e produtos de lazer, como aluguer de automóvel, bilhetes para teatro e diversões, e mais. Pode adicionar à sua carteira de pontos e pode converter a titularidade das suas semanas num produto à base de pontos.

 

• Uma titularidade fraccionada dando a várias semanas (geralmente, um doze avos de um trimestre do ano) utilização numa propriedade exclusiva de alta qualidade, usufruindo de uma localização bastante desejada e, muitas vezes, beneficiando de serviços de recepção, serviços pessoais de viagem e mais. A utilização é frequentemente numa base rotativa ou uma mistura de períodos fixos e flutuantes numa época. Os membros, muitas vezes, têm um interesse financeiro na propriedade e existe uma tendência para os valores de propriedades fraccionadas seguirem os valores dos verdadeiros imóveis no local.

 

• Planos de Comprar Para Arrendar Hotéis em Condomínio em que o comprador compra um quarto de hotel pelo período do projecto, tirando uma quota do rendimento de aluguer do seu arrendamento. Isto pode ser feito na base de uma soma fixa por noite arrendada ou uma percentagem da receita bruta ou líquida para o quarto. No final do período especificado, o hotel é vendido e todas as partes partilham qualquer valorização do capital, enquanto, provisoriamente, o comprador é livre de vender o seu próprio interesse no mercado aberto.

 

Tudo o acima mencionado pode ser trocado por um alojamento diferente num empreendimento diferente – e numa altura do ano diferente – a partir das semanas depositadas no banco de trocas do seu fornecedor escolhido de serviços de trocas de férias.

 

 

Na verdade, existe um tipo e período de férias para cada um. O espectro da titularidade de férias varia de empreendimentos de timeshare, que normalmente oferecem a opção de uma única semana, embora semanas adicionais possam ser compradas no mesmo empreendimento ou em vários diferentes, a propriedade fraccionada, clubes de residências privadas e clubes de destinos que providenciam períodos de alojamento mais prolongados de várias semanas de titularidade em propriedades de gama alta, dispendiosas.

 

Cada vez mais, a titularidade de propriedade fraccionada e timeshare é oferecida como um valor acrescentado a compradores de propriedades de lazer controladas a 100%. Por exemplo, hotéis em condomínio e algumas casas de férias são vendidas com planos de aluguer em vigor, operados pela sociedade gestora. Esses programas permitem ao titular dividir a utilização da sua propriedade entre utilização pessoal; depositando alguma utilização de semanas não pretendidas numa empresa de trocas de férias, como o RCI, para gozar férias numa vasta selecção de empreendimentos no mundo inteiro, ou alugando semanas não utilizadas para ganhar uma quota da receita de arrendamento.

 

A constituição do empreendimento também fornece detalhes dos direitos e responsabilidades do titular em relação aos seus direitos de ocupação.

 

O funcionamento do seu empreendimento

 

Os empreendimentos podem ser geridos por sociedades gestoras profissionais ou, nalguns casos, pelos próprios titulares que nomeiam uma Comissão de Titulares para administrar a operação do empreendimento.

 

O custo da limpeza, manutenção do edifício, limpeza da piscina, jardinagem, segurança, etc., é partilhado pelos titulares num empreendimento e esta contribuição chama-se uma Taxa de Manutenção. Estas taxas começam a partir de cerca de 300 € por ano num empreendimento standard para a titularidade de uma semana e aumentarão proporcionalmente à qualidade e tamanho dos alojamentos do empreendimento e tipo/número de facilidades no local para os hóspedes, a serem mantidas.


Muitos empreendimentos utilizam os pagamentos das taxas para formarem um fundo de amortização para grandes redecorações ou renovações normalmente num plano quinquenal, para que os titulares não precisem de arranjar dinheiro adicional para programas de renovação maiores.

 

O facto de alguém ter o trabalho da reparação e manutenção da propriedade é inestimável!


Uma casa longe de casa


Normalmente, os empreendimentos de titularidade de férias providenciam alojamentos mais espaçosos do que os hotéis, proporcionando a derradeira experiência de férias, com muitas mais facilidades para os hóspedes no local, incluindo piscinas e zonas para crianças, uma selecção de restaurantes, spas, centros de fitness e muito mais.


A maior vantagem de possuir uma propriedade de timeshare é a capacidade de ter uma "casa longe de casa" para fazer férias, mas com uma exposição e risco financeiros mais reduzidos, uma vez que o preço de compra e custos de manutenção são apenas uma fracção dos custos de uma propriedade controlada a 100%.

 

O seu alojamento será:

 

• Num período fixo do ano num determinado empreendimento que pode revisitar todos os anos, na mesma altura.

 

• Uma semana flexível é-lhe atribuída pelo empreendimento onde é titular, todos os anos, e não é necessariamente sempre a mesma semana do ano, será uma semana diferente.

 

• Pontos, que pode utilizar como uma "moeda" numa reserva de férias em períodos de semanas – visto que a cada semana do empreendimento será atribuído um valor em pontos – ou para reservar férias adicionais e produtos de lazer, como aluguer de automóvel, bilhetes para teatro e diversões, e mais. Pode adicionar à sua carteira de pontos e pode converter a titularidade das suas semanas num produto à base de pontos.

 

• Uma titularidade fraccionada dando a várias semanas (geralmente, um doze avos de um trimestre do ano) utilização numa propriedade exclusiva de alta qualidade, usufruindo de uma localização bastante desejada e, muitas vezes, beneficiando de serviços de recepção, serviços pessoais de viagem e mais. A utilização é frequentemente numa base rotativa ou uma mistura de períodos fixos e flutuantes numa época. Os membros, muitas vezes, têm um interesse financeiro na propriedade e existe uma tendência para os valores de propriedades fraccionadas seguirem os valores dos imóveis no local.

 

• Planos de Comprar Para Arrendar Hotéis em Condomínio em que o comprador compra um quarto de hotel pelo período do projecto, tirando uma quota do rendimento de aluguer do seu arrendamento. Isto pode ser feito na base de uma soma fixa por noite arrendada ou uma percentagem da receita bruta ou líquida para o quarto. No final do período especificado, o hotel é vendido e todas as partes partilham qualquer valorização do capital, enquanto, provisoriamente, o comprador é livre de vender o seu próprio interesse no mercado aberto.


E não tem de voltar ao mesmo empreendimento, mesmo local no mesmo período, todos os anos – como membro de semanas ou de pontos do RCI, tem acima de 4000 excelentes propriedades de férias em mais de 100 países para escolher no mundo inteiro!

 

O Papel do RCI

 

Não pode comprar timeshare ao RCI. O RCI é o fornecedor de rede de trocas de férias e não é proprietário dos empreendimentos em que os membros compram. O serviço de trocas de férias do RCI está disponível para titulares de semanas e para aqueles que preferem aderir a um sistema de pontos – ou aqueles que possuem ambos. Por vezes, as férias baseadas em pontos são oferecidas a titulares de timeshare para aceitarem uma inscrição de um "Clube de Férias" e estes membros continuam a beneficiar da vantagem e opções de trocas de férias.

 

Os promotores de empreendimentos podem escolher afiliar os seus empreendimentos numa rede de trocas de timeshare – e o RCI tem o dobro dos empreendimentos afiliados no nosso programa de trocas, em comparação com o nosso concorrente mais próximo. Ao comprar timeshare pode ser-lhe oferecida inscrição numa empresa de trocas – e, caso não o mencionem, deve sempre perguntar.


A disponibilidade do empreendimento e (unidades) de alojamento flutuará de hora a hora, dia a dia e mês a mês. Isto porque o sistema é dinâmico – como os membros fazem Depósitos e reservam Trocas de Férias, o que está no banco de trocas altera. Se é membro do RCI, é sempre aconselhável utilizar a Procura Contínua, que verifica regularmente o seu pedido de férias em relação a disponibilidade para encontrar a combinação perfeita – e informa-o quando encontra uma.


Se já possui timeshare e quer aproveitar mais através da inscrição no RCI, ligue para o 289 540 400. 

 

Como funciona

 

Sem associação a uma das empresas de trocas de férias, não será capaz de trocar a sua semana ou utilizar os seus pontos para reservar umas férias – outra semana, noutro empreendimento num período diferente. Os clubes de férias oferecem trocas de férias internas em empreendimentos nos seus grupos. A inscrição numa empresa de trocas, então, dá aos titulares uma escolha muito mais ampla de opções de férias.

 

As empresas de trocas providenciam os recursos de "banco" para gerirem inventário de alojamentos e mecanismos de trocas. Estas empresas fazem investimentos contínuos, ano após ano, em sistemas de back office, de centros de atendimento, sistemas de reservas on-line e websites, para trabalharem com os promotores – o RCI tem uma equipa incomparável de pessoal de operações de empreendimentos em toda a Europa – para garantir que os padrões dos empreendimentos são mantidos e os seus membros conseguem as férias que esperam e merecem.

 

No topo destes serviços, as maiores empresas de trocas como o RCI, que faz parte do grupo hoteleiro Wyndham Worldwide, líder mundial, são capazes de utilizar o seu poder de compra e associações de empresas-irmãs para desenvolverem novas promoções de alojamento de grande valor e pacotes exclusivos para os seus membros, bem como outros produtos de férias com desconto, como viagens, cruzeiros e assistência em viagem.

 

Para Membros de Semanas do RCI


A cada período de utilização de timeshare é atribuído um Poder de Troca e se, por exemplo, o titular é membro da rede trocas de férias do RCI e pretende fazer férias num destino novo ou tentar uma experiência diferente, pode depositar a(s) sua(s) semana(s) (fazer um Depósito) na rede de trocas do RCI e gozar umas férias de Poder de Troca com valor inferior ou equivalente noutro empreendimento afiliado no RCI e noutro período do ano, diferente do seu período de titularidade de utilização (fazer uma troca).

 

Os membros também podem combinar Depósitos de Semana(s) para acederem a um empreendimento com Poder de Troca mais elevado do que aquele que possuem, para conseguirem as suas férias preferidas. Qualquer Poder de Troca que não seja utilizado numa transacção de troca será devolvido à sua conta do RCI para este atribuir a outras férias – isto é conhecido como um Crédito e pode ser combinado com quaisquer Depósitos futuros para impulsionar o seu Poder de Troca.

 

Os valores do Poder de Troca baseiam-se numa série de critérios – sazonalidade da semana; tamanho da unidade; procura por aquela semana tal como indicado pelos dados de reserva históricos; e, no RCI, o padrão de qualidade do empreendimento que se baseia na resposta dos nossos membros nos seus Cartões de Comentários de Boas-vindas a Casa.

 

Para saber mais sobre as Semanas do RCI, vá a www.rciweeks.eu/pt/inside

 

Para Membros de Pontos do RCI


Como o primeiro e maior sistema de trocas baseado em pontos, a nível mundial, da indústria, os Pontos do RCI providenciam aos membros e às suas famílias opções de férias flexíveis, permitindo-lhes personalizar as suas férias perfeitas. Os membros de Pontos do RCI ganham automaticamente acesso aos empreendimentos afiliados de Semanas do RCI, bem como aos empreendimentos de Pontos. Mais, ao adicionar o programa de Parceiro de Pontos do RCI à sua inscrição, os membros podem aplicar os seus pontos noutros produtos de viagens e serviços, como aluguer de automóvel, cruzeiros, estadias em hotéis e muito mais. O programa, agora no seu 11.º ano, tem actualmente mais de um milhão de membros do mundo inteiro.

 

TPara saber mais sobre os Pontos do RCI vá a www.pointstoremember.co.uk (apenas em inglês).


Sabia?

 

• A indústria de timeshare tem mais de 50 anos e gera receitas superiores a 14 il milhões de dólares por ano em vendas e 45 mil milhões de dólares em produção económica (números da ARDA International Foundation, 2010).

 

• O RCI é a empresa mais antiga de trocas de férias no mercado –celebramos o nosso 40.º aniversário em 2014.

 

• Existem aproximadamente 20 milhões de titulares de timeshare no mundo inteiro, dos quais mais de um milhão e meio residem apenas na Europa.

 

• Com 1312 empreendimentos na Europa e mais de um milhão e meio de titulares, gera anualmente 3,2 mil milhões de libras nas despesas turísticas europeias.

 

• As empresas de trocas monitorizam a qualidade em nome dos seus membros – o RCI realiza inspecções locais e classifica os seus empreendimentos com base na opinião dos seus membros – para garantirem uma experiência de férias com a qualidade mais elevada.

 

• As empresas de trocas podem penalizar os empreendimentos que não mantêm padrões de qualidade de acordo com a sua classificação de qualidade, retirando os prémios de qualidade (prémios RCI Gold Crown - Coroa de Ouro do RCI, RCI Silver Crown - Coroa de Prata do RCI e RCI Hospitality - Hospitalidade do RCI) – ou cancelam as suas afiliações, se eles não cooperarem com as empresas de trocas para recuperarem os níveis de qualidade aceitáveis dos empreendimentos.

 

• Com níveis de ocupação elevados, uma média de 72% durante o ano inteiro, o timeshare é um contribuinte importante para as economias em zonas da Europa que sofrem um desemprego elevado.

 

• O número crescente de marcas de hotéis prestigiadas ofereceram  timeshare durante muitos anos, incluindo Hilton Hotels; Disney; McDonald Hotels & Resorts, Sol Melia – e muitas mais estão a aderir.

 

• Em resposta à procura dos clientes, uma série de titularidades de experiência novas e de curto prazo estão a ser trazidas para o mercado, para que agora possa experimentar o estilo de vida do timeshare sem se comprometer já para toda a vida.

 

• Se não quiser utilizar o seu timeshare, pode dar o período de tempo não pretendido à sua família e amigos.

 

• Existe uma série de organizações de consumidores da indústria – principalmente, a Resort Development Organisation (RDO) e The Timeshare Owners' Association (TATOC) no Reino Unido e Europa, que existem para dar aconselhamento, apoio e orientação aos titulares de timeshare.

 

Papel dos Promotores de Empreendimentos de Timeshare

 

Os promotores de timeshare têm a principal responsabilidade na formação do desenvolvimento do empreendimento de timeshare, pois eles tomam as decisões que estabelecem as características dos seus empreendimentos e, na maioria dos casos, a maneira como eles serão geridos. Os promotores também podem instituir mecanismos financeiros para consumidores.

 

Assim que o empreendimento está pronto para venda, o promotor institui um mecanismo para proteger os direitos dos titulares de timeshare, de acordo com o quadro legal do país onde se situa o mesmo. No Reino Unido, por exemplo, existem normalmente duas partes principais no pacote de direitos que o promotor desenvolve.

 

1. O contrato de gestão para o empreendimento. Este contrato providencia o bom funcionamento do empreendimento em nome dos membros. Estipula os meios pelos quais o orçamento é fixado e aprovado, e a relação entre uma comissão de titulares (se criada) e a sociedade gestora.

 

2. A relação entre os titulares de timeshare e o promotor. Os titulares de timeshare possuem direitos para utilização do seu apartamento, por oposição a possuírem o próprio apartamento. A titularidade legal é normalmente adquirida numa empresa fiduciária. O promotor entrega todos os direitos da propriedade ao administrador em troca de certificados de inscrição em cada unidade. Então, o administrador detém a propriedade e protege-a em nome dos titulares. Os titulares de timeshare recebem um certificado de inscrição em troca do seu pagamento contratado e este certificado dá-lhes os direitos de ocupação na propriedade e inscrição do clube.

 

Na maioria dos outros países europeus, o mecanismo principal para transferência de direitos é o promotor celebrar um contrato com o consumidor de timeshare através de um notário. O notário verifica a validade legal do contrato que transfere os direitos de titularidade do timeshare do promotor para o consumidor. Em Espanha, por exemplo, foi instituído um requintado sistema legal. O plano baseia-se na venda de direitos contratuais, e não nos direitos baseados na propriedade.